Testemunho de Bruno Valentim – Proprietário de um Fiat 500 eléctrico

Desde 2010 que o Bruno Valentim faz parte da mobilidade eléctrica, no entanto é a primeira vez que opta por 4 rodas eléctricas

É o seu primeiro veiculo eléctrico?

De 4 rodas sim! Já ando desde 2010 em motas eléctricas, primeiro uma Jonway, e a partir de 2013 uma Vectrix.

 

Utiliza como meio principal de transporte?

Sim, tanto a mota como o carro irão ser os principais meios de transporte.

 

Quantos KMS em média faz num dia normal?

Cerca de 35 Km para o carro, e 20 Km para a mota.

 

A autonomia é suficiente para o seu dia-a-dia?

Chega e sobra para o dia-a-dia. No caso da mota só necessito de carregar 1 vez por semana, o carro carregamos a cada 2 ou 3 dias.

 

Onde carrega tipicamente o seu veiculo?

Durante a noite, numa tomada normal que temos na garagem. No caso do carro, sempre que pudemos aproveitamos os postos Mobi.e.

 

Está satisfeito com o FIAT 500e?

Bastante! Para além da utilização do dia-a-dia, usamos também nas voltas do fim-de-semana por Lisboa. Para além de pequeno e ágil para andar numa cidade como Lisboa, é também muito económico, e divertido de conduzir. O meu filho adora!

QUER FICAR A PAR DAS ÚLTIMAS NOVIDADES DA MOBILIDADE?

Sobre o Fiat 500e

O Fiat 500e (“e” de eléctrico), é um compacto urbano e eléctrico, perfeito para responder às necessidades e à rotina do dia-a-dia, muito divertido de dirigir, eficiente energeticamente e bastante poupadinho.

O FIAT 500e tem uma condução bastante suave mas sem descorar a potência típica de um carro eléctrico, num motor eléctrico de 83 kW e uma bateria de 24 kwh (com possibilidade de carga a 6,6 kWh e uma autonomia entre os 120 a 150 Kms). O FIAT 500e possui um spoiler traseiro que além de ajudar a aumentar a eficiência aerodinâmica, adiciona estilo e uma elegância desportiva.

Para mais informações sobre o

FIAT 500e