Razões pelas quais o mercado de veículos eléctricos vai acelerar

China:

A China é actualmente o maior mercado mundial do sector automóvel. Sem surpresa, os fabricantes querem ter acesso a esse mercado. A China abriu recentemente o seu mercado, no entanto exige que os fabricantes de veículos que entrem no mercado chinês, tenham uma quota de veículos eléctricos de  10% até 2019, que subirá para 12% até 2020 e 20% até 2025.

Como resultado deste anúncio, uma série de fabricantes acelerou investimentos nos seus programas de desenvolvimento de VEs e na sua cadeia de fornecimento de baterias. O CEO da Porsche chegou a declarar que, após 2030, todos os carros da Porsche serão 100% eléctricos.

A Tesla já anunciou que vai construir uma fábrica na China que terá capacidade para produzir 500 mil automóveis por ano.

A China abriu-se e o mercado automóvel ajustou-se. Nos próximos 18 meses, é expectável que o número de modelos de veículos eléctricos disponíveis, possa aumentar significativamente.

Custo:

O principal custo de um veículo eléctrico é o custo da bateria e os preços estão a baixar significativamente.

As baterias de lítio custavam US $ 1.000 por kWh em 2010. Até 2017, esse custo caiu para US $ 200 por kWh, e a tendência é continuar.

Elon Musk afirmou recentemente numa reunião de accionista que em 2 anos, acredita que o preço se posicione nos US $ 100 por kWh – Com esse valor, o preço inicial de compra de um veiculo eléctrico é semelhante a um carro a combustão.

Autonomia:

As baterias de lítio estão a aumentar a densidade energética a uma taxa de 5-8% ao ano e ao contrário do que muitos acreditam, as baterias não se degradam com o tempo ou ao longo de Kms.

No que concerne a autonomias, a Mercedes referiu que o EQ, disponível em 2019, terá uma autonomia expectável de 500 km. Enquanto o novo Tesla Roadster, disponível em 2020, tem um alcance declarado de 1.000 km. Quando falamos destas distancias , simplesmente não existe problema de autonomia.

Adicionalmente, outras tecnologias estão a ser estudadas e desenvolvidas, como as baterias de estado sólido. Uma coisa é certa, as baterias vão ser mais baratas, com carga mais rápida e maior capacidade.

Oferta de modelos:

O número de modelos de veículos eléctricos disponíveis para venda vai aumentar.

O preço de compra de veículos eléctricos está a descer, a manutenção é consideravelmente mais simples e barata. As baterias duram centenas de milhares de Kms com degradação absolutamente mínima.

Porquê considerar comprar um carro com um motor de combustão interna?  O caminho natural é que o  valor de revenda dos veículos de combustão interna baixe substancialmente e se o valor de revenda entrar em colapso em 3-4 anos, porquê considerar comprar um carro de combustão hoje?

Para finalizar, convém ainda referir a tendência das cidades de impedir os carros a diesel de entrar nos seus centros históricos.

Para mais informações sobre o

CARROS ELÉTRICOS